Entre em Contato

estudo.certeiro@mail.com

São Paulo - Brasil

  • Facebook Long Shadow
  • Twitter Long Shadow

Coletânea de Dicas de Estudo para Concurso Público

05.02.2018

Vendo alguns fóruns sobre concursos públicos, foi possível perceber que muitos candidatos procuram por dicas de como estar para concurso público. Alguns focam em uma estratégia, outros focam em outra, aproveitei a oportunidade para juntar todas as dicas em um só lugar. Nesta postagem, você não irá encontrar apenas dicas de estudo, mas também irá encontrar respostas para muitas das dúvidas que todos concurseiros tem no começo e buscaram saber. Vamos começar então!

 

Devo focar em apenas um concurso ou posso prestar vários concursos públicos?

 

Uma dica valiosa que posso dar é a seguinte: estude focando nas matérias que geralmente caem nos grandes concursos. Dependendo da área escolhida, é possível escolher um grupo de matérias, como por exemplo controle, fiscalização, tributação, etc. Deste modo, você terá mais chances de ter sempre um concurso aberto na sua área.

 

Não é uma estratégia muito eficiente tentar atirar para todos os lados (ou seja, tentar estudar para todos os concursos). Poucos conseguem focar em mais de uma área e ter um bom resultado em tudo.

 

Como escolher o assunto para estudar de cada matéria? 


O estudo focado nos editais é um fator importantíssimo. O melhor é conhecer o histórico dos editais e buscar as mudanças ocorridas em cada novo edital, de diferentes bancas. Essas mudanças frequentemente são cobradas nos concursos. Fazendo isso você irá notar que há sempre um tópico que está em vários editais, outros apenas em alguns. Sabendo disso, comece a estudar por esses principais tópicos. 

Estudar utilizando as matérias pedidas no edital é fundamental, para não correr o risco de estudar coisas que não vão cair (É claro que haverá surpresas mas sobre essas não há o que fazer, apenas estudar após a publicação do edital). 

Também é legal fazer um trabalho preparatório nos livros, marcando quais capítulos deve-se ler, vendo no sumário ou no próprio capítulo, quando o índice for insuficiente. 

 

Você investe 10 minutos e ganha horas depois! 
 

 

Como posso saber se estou estudando direito?

 

Você irá precisar de um bom indicador de desempenho para poder avaliar seus estudos. Fazer simulados ajudam a medir o seu preparo.

Você também pode responder às provas dos concursos anteriores e anotar como foi seu desempenho, como a quantidade de acertos e erros. Após algum tempo, refaça essa mesma prova e compare a quantidade de acertos com a anterior. Se houver alguma evolução, pode apostar que seu estudo está dando resultado.
 

 

Como faço para conciliar meus estudos e minha qualidade de vida?

É importante você ter em mente que se você não tiver uma boa qualidade de vida, a qualidade de seus estudos também não será boa. Portanto, é muito importante trabalhar essa parte de sua rotina. Tenha uma alimentação equilibrada e faça atividade física (aeróbica) regularmente.

Dormir entre 7 e 8 horas todos os dias. Para alguns pode ser difícil, pois com a rotina de trabalho e estudos, precisam tomar tempo de sono para estudar um pouco mais todos os dias. Porém, saiba que é importante descansar, pois é a hora que nosso corpo repõe as energias e absorve todas as informações do dia.

Também reserve um dia apenas para descanso. Não pare a sua vida, estude, mas também viva. O importante não é a intensidade, é a qualidade e a regularidade. O tempo faz o resto.

 


Como estudar quando estou cansado?

 
Se for cansaço físico: tome um banho antes e/ou depois de tirar uma soneca de 1 hora, isso irá te renovar, eu garanto. 
Se for cansaço mental: dê uma cochilada de 15 a 30 minutos ou faça alguma atividade que te dê prazer: meditação, ouvir música, pintar, dançar, sorrir, jogar, enfim, relaxar. 

 


E quando não conseguir mais me concentrar?


Quando ver que já passou do ponto e a concentração acabar, descanse, relaxe. Depois, procure compensar com a cabeça mais fresca, no mesmo dia ou em outro. Não adianta querer estudar sem ter foco nenhum, é apenas perda de tempo e irá te desmotivar.
 


O que faço quando me sentir desestimulado para estudar, procurando motivação?


É preciso cultivar, regar, adubar todos os dias a motivação. Quanto maiores as dificuldades vividas, quanto menor a expectativa do próximo concurso, quanto maior o seu tempo na lista de espera...mais você deve alimentar sua motivação durante a preparação, antes da prova e durante a prova. 

Algumas dicas básicas: 

 

  • Escreva uma lista de fatores que motivam você a estudar;

  • Antes de iniciar o estudo, todos os dias, leia a sua lista de motivação; 

  • Caso você faça um percurso para começar a estudar, seja indo para a biblioteca, voltando da faculdade ou do trabalho, vá pensando em todos os fatores que te motivam;

  • Tenha contato apenas com coisas motivacionais, seja filmes ou músicas; nada de material depressivo; 

  • Arrume alguém ou grupo de estudo, real ou virtual, e combine, previamente, que se um estiver desanimado num dia, o outro tem a obrigação de animá-lo e motivá-lo a estudar e vice-versa. Pode ser sua namorada/o, mãe, pai, enfim, encontre alguém que te apoie e entenda que você precisa desta motivação diária.


Lembre-se sempre que a competição principal aqui é contra você mesmo, pois a desmotivação estará apenas na sua cabeça. Encontre meios de vence-la todos os dias.

 

 

Qual é a melhor forma de estudar por cursos preparatórios (cursinhos)?
 

Uma dica importante é: não faça muitas matérias de uma só vez. Escolha por fazer disciplinas isoladas, pois se fizer muitas coisas de uma só vez seu cérebro acabará fazendo confusão.


Para cada matéria (que você achar necessário fazer um curso) procure saber se existe algum professor muito bom; peça para assistir a primeira aula gratuitamente para averiguar; se não tiver, é melhor gastar o dinheiro com os melhores livros e apostilas da área. 

 

Como administrar meu tempo e dinheiro enquanto concurseiro? 

Esse ponto é fundamental: seja organizado, economize tempo e dinheiro. Esses recursos são correlacionados entre si, um influencia o outro. Afinal de contas: tempo é dinheiro e dinheiro se consegue gastando tempo em algo. Portanto, fiquemos atentos aos dois. 

Organize todo o seu material de estudo de forma sistemática e que possa encontrar o material que desejar o mais rápido possível. Para isto use prateleiras, pastas, envelopes, caixas para arquivo morto, gavetas e identifique o conteúdo de cada um - use, etiquetas de cores diferentes. 

 

O mesmo vale para os arquivos em seu computador, as apostilas em PDF e vídeo aulas devem ficar sempre bem organizadas, cada uma em sua pasta. Uma boa dica é ter uma pasta com o nome de Concursos Públicos, dentro desta pasta dividi-la por disciplinas, e nesta dividir por tipo: PROVAS, SIMULADOS, DICAS, etc. 

Ao longo do caminho rumo à vitória, serão muitos livros, dicas impressas, exercícios, resumos, fichamentos, muitas e muitas provas impressas: toneladas de papéis. Se o candidato não for bem organizado o tempo gasto para encontrar algum material (quando encontrar!) prejudicará sua produtividade de estudo. Com certeza, isto fará diferença na hora da prova!! Além de evitar de imprimir ou tirar xerox duplicadas, desperdiçando dinheiro. 

 

Outra coisa muito importante para salvar seu tempo e dinheiro é adquirir sempre materiais de altíssima qualidade. Se for comprar um curso online, compre do melhor. Se for fazer um cursinho presencial, faça o melhor. Pode parecer loucura eu dizer sobre economizar dinheiro e ao mesmo tempo adquirir sempre o melhor (que geralmente é o mais caro), mas o melhor sempre irá te trazer melhores resultados. Às vezes, adquirir um curso pior é jogar seu dinheiro fora.

Os materiais como livros, apostilas e cursos são sempre o melhor investimento de um concursando, então compre e leia o melhor. E se possível evite xerox. O livro original dá mais estímulo para o estudo e não fere a lei, além de motivar mais autores de boa qualidade a produzirem para este universo de concursos.


Outras coisas que faz todo mundo gastar muito tempo são: Celular, Televisão e Internet. Dá mesma forma que ajudam, podem atrapalhar, e muito! Portanto fiquem atento!! Criem mecanismos de evitar gastar muito tempo com eles. 

No caso dos candidatos que os recursos financeiros são escassos (a grande maioria), deverá, impreterivelmente, administrar bem seu dinheiro. Isto é muito sério!!! 

Estudar para concurso exige gastos, se não forem bem gerenciados as finanças pessoais poderão influenciar o desempenho no estudo. 

Assim, uma boa dica é primeiro fazer uma projeção de quais serão os gastos futuros, o que você vai precisar e quanto vai custar. Depois avaliar qual o seu patrimônio (já vai treinando contabilidade rs). Se este não for suficiente para atender sua projeção é preciso economizar, renunciar, adaptar, readaptar, adequar, administrar seu dinheiro de forma a viabilizar os gastos no futuro. 

O mais importante é nunca gastar dinheiro sem ter a noção de que aquela quantia poderá fazer falta no futuro.

 

 

O que devo fazer dias antes das provas? 

Uns acham que nos dois dias que antecedem a prova deve-se procurar estudar bem leve e até sair para passear um pouco. Outros estudam com ritmo bem pesado, mas só revisando e lendo as leis. E fazendo alguns poucos exercícios. Agora todos concordam que nenhum concurseiro deve querer aprender coisas novas, só há espaço para consolidar o que já aprendeu. Portanto, faça o que achar que irá te trazer melhores resultados.


Qual deve ser a estratégia na hora da prova? 

Os melhores concursos sempre têm provas difíceis e, não raras, são as vezes que não dá tempo para fazer tudo. Há depoimentos de pessoas que foram mal em Matemática Financeira/Estatística porque gastaram muito tempo em Português e faltou tempo no final.  Portanto, vou deixar aqui três estratégias que você poderá seguir durante as provas.


1ª Estratégia: Nunca faça a prova na ordem. Comece pelas matérias que você domina, pois assim você fará mais rápido e sobrará tempo no final. Aliás, caso não sobre tempo no final, é preferível você ter que chutar para matérias que não domina e não sabe se iria acertar, do que chutar nas matérias que você domina e sabe que teria mais chances de acertar.

 

2ª Estratégia: Leia toda a prova, indo do inicio ao final, várias vezes. Muitos candidatos aprovados usaram essa estratégia e acharam fundamental para seu desempenho.

3ª Estratégia: Consiga conciliar as duas estratégias acima. 

Além de fazer o que dizem as estratégias acima recomendo levar uma caneta grifa texto, são muito úteis principalmente em provas de português. 

Mantenha os três estados mentais durante a prova: 

 

  • Autoconfiança: tenha em mente que você é “O Cara”.

  • Concentração: fundamental para não cometer erros por falta de atenção.

  • Tranquilidade: é a mais difícil de ter na hora da prova, portanto entendo que talvez não seja possível conseguir, mas pelo menos é preciso tentar ficar o menos nervoso possível.


Por favor, não esqueçam de levar um relógio, administrar o tempo e saber quais disciplinas vão cair na prova do dia e o peso de cada uma.

Encerro aqui as dicas de estudo que reuni. Todas foram tiradas de experiências de concurseiros reais que já passaram por tudo isso que você já está passando. Portanto, leve-as para suas vidas que a aprovação virá!

 

Bons estudos, guerreiros!

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Concurso PRF 2020 – Mais de 4 mil vagas solicitadas

Concurso da Policia Militar da Bahia – Edital Publicado com 1250 Vagas para Soldado

Concurso TJ RJ 2019 – Edital Próximo de ser Publicado

1/3
Please reload